Delos, berço de Apolo e Ártemis

Um passeio imperdível para quem está em Mykonos é navegar até a mítica Ilha de Delos, local onde viveram os irmãos Apolo e Ártemis, segundo a mitologia grega. É importante ressaltar que Delos é designada como Patrimônio Mundial pela Unesco e foi considerada "a mais sagrada de todas as ilhas".

Leto foi engravidada por Zeus nessa ilhota árida, e, fugindo a vingança de Hera, deu à luz Apolo e Àrtemis depois de um parto difícil. De acordo com um hino homérico, a ilha, que até então tinha sido flutuante, tornou-se ancorada no chão do oceano. 

No dia em que chegamos em Mykonos, passamos pelo Antigo Porto e verificamos a hora de partida do passeio (10h) e o valor (20 euros). No dia seguinte, acordamos, tomamos café no hotel e quando olhamos o relógio já passava das 9:30. Descemos as vielas esbaforidos e corremos até o porto. O relógio marcava 2 minutos para as 10h. Compramos o ingresso e entramos no barco.


Tinha a opção de seguir a viagem no primeiro ou no segundo andar. Subimos a escada e nos deparamos com uma embarcação lotada. O sol brilhava e me arrependi amargamente de ter colocado uma t-shirt e não uma camiseta. Eu e Victor nos divertimos bastante ao acompanhar a saga de um solo traveler, tentando tirar as melhores "selfies". Depois fiquei pensando que também viajo sozinha em algumas ocasiões e o autorretrato pode parecer patético para quem está de fora, mas não sobra outra opção (risos).

Antes de chegar na Grécia, li alguns relatos sobre a travessia em barcos pequenos - que demoravam quase 1 hora para chegar no destino. Não sei se foi sorte, mas o barco era bom e grande. O percurso foi muito rápido, não deve ter levado 30 minutos. Na saída fomos avisados sobre os 2 horários possíveis para o retorno: 13:30h e 15h.

Todos caminham para o guichê que vende a entrada do sítio arqueológico, custa 12 euros. Recebemos o mapa com a localização dos templos e esculturas.



Como descrito no folder entregue na ilha, Delos sempre causa espanto ao compararmos seu tamanho com o da sua história. Apesar de uma pequena ilha, rochosa, com menos de 5 km de comprimento, para o grego clássico foi um dos lugares mais sagrados, porque Apolo e Ártemis, duas das divindades mais importantes do panteão grego, nasceram aqui. Está situada no coração do Mar Egeu.




Os habitantes anteriores de Delos construíram suas casas (cerca de 2.500 a.C.) simples no topo da colina baixa Kynthos, onde poderiam facilmente inspecionar o mar e observar a chegada de inimigos.
Os 4 leões (Lions of the Naxians), símbolo de Delos.



Casa de Cleópatra
O Santuário de Apolo,estabelecido pelo menos desde o século 9 a.C,atingiu o auge de sua glória durante o período Arcaico e Clássico, quando os helênicos de todo o mundo grego ali se reuniram. Apolo, o deus da luz, harmonia e equilíbrio, e Ártemis, a deusa-lua, sua irmã gêmea.


Após 167 a.C., como resultado da declaração de Delos como um porto livre, toda a atividade comercial do Mediterrâneo oriental foi concentrada na ilha. Ricos mercadores, banqueiros e armadores de todo o mundo se estabeleceram lá, atraindo muitos construtores, artistas e artesãos, que construíram para eles casas de luxo, ricamente decoradas com afrescos e pisos de mosaico. A ilha se tornou o maior centro comercial do mundo!

Sanctuary of the Egyptian Gods
Monument of Carystius


Nas dependências da ilha, podemos encontrar várias construções incríveis, como o Santuário de Afrodite, o hipódromo, a Casa dos Golfinhos, a Casa de Dionísio, o Museu Arqueológico de Delos. Ao lado do museu existe uma lanchonete (com preços abusivos) e banheiro.


 



As escavações que começaram em 1872 - e estão ainda em curso - desenterraram o Santuário e uma boa parte da cidade helenística cosmopolita. Os monumentos que foram escavados até agora falam eloquentemente sobre a grandeza da ilha sagrada que iluminou uma civilização no passado, que foi berço da Europa. Toda a ilha é um sítio arqueológico.

É necessário tempo e disposição para apreciar cada pedaço da história de Delos. Por fim, para voltarmos no barco de 13:30h, acabamos correndo em alguns trechos e não conseguimos ver tudo.
Museu de Delos
Museu de Delos

Museu de Delos

Museu de Delos
 


 

Share:

0 comentários:

Translate

Instagram

Publicidade

Booking.com

Marcadores