Jenny Holzer e o truísmo

Conceptual art is good only when the idea is good.
Sol LeWitt

Jenny Holzer - Truisms
 Jenny Holzer é uma artista conceitual norte-americana conhecida principalmente por suas grandes exposições públicas, que incluem anúncios em outdoors, projeções em edifícios e outras estruturas arquitetônicas, bem como displays eletrônicos iluminados. O foco principal de seu trabalho, que não necessariamente segue uma lógica, é o uso de palavras e ideias no espaço público.
A série de maior popularidade é intitulada "truisms". Segundo o Houaiss, "truísmo" significa "verdade incontestável ou evidente por si mesma; coisa tão óbvia que não precisa ser mencionada; banalidade, obviedade".
O termo "arte conceitual" foi cunhado pela primeira vez por Sol LeWitt, no texto "Parágrafos sobre a arte conceitual", publicado na "Artforum". O artista demonstra despreocupação com a percepção do público no que concerne à compreensão da obra:
It doesn't really matter if the viewer understands the concepts of the artist by seeing the art. Once it is out of his hand the artist has no control over the way a viewer will perceive the work. Different people will understand the same thing in a different way.
Para finalizar, a título de curiosidade, será que Madonna se inspirou (algum dia) em Jenny Holzer? Novamente recorro ao clipe Bedtime story:

Bedtime story, Madonna

Protect me From What I Want

A documentary about Jenny Holzer, shot in Rio de Janeiro, 1999. Directed by Marcello Dantas




Share:

0 comentários:

Translate

Instagram

Publicidade

Booking.com

Marcadores