Como utilizar minhas milhas?

 


Além das formas mais evidentes de acumular milhas, como através do cartão de crédito e voando, hoje em dia, os programas de milhagens têm muitas empresas parceiras, logo, não custa observar se a farmácia, posto de gasolina ou hotel geram milhas.

No atual cenário econômico (dólar comercial a R$3,60) está difícil juntar pontos no cartão. O meu oferecia 2 pontos a cada 1 dólar gasto, de repente, mudou as regras e passou a dar 1,5 pontos por dólar gasto.

Confesso que tenho "inveja" daquelas pessoas com centenas de milhas acumuladas, mas, posso contar como utilizei minhas (poucas) milhas. Garanto que foram muito bem aplicadas! Minha dica é: utilize suas milhas assim que puder! As regras podem mudar e sua viagem não acontecer. Fiquei dois anos acompanhando o trecho Rio de Janeiro-Ushuaia, que saia por 20 mil milhas, ida e volta, no Smiles, mas sempre fazia outro roteiro. Hoje o programa de milhagens da Gol anda tão inflacionado que ninguém consegue sair do Brasil por menos de 40 mil milhas - sendo bastante otimista.

Lembro que na primeira viagem que fiz aos EUA ganhei 40 mil milhas, pois a American Airlines acabara de firmar um acordo com o Smiles. Com essas milhas fiz milagre! Visitei Salvador, Belo Horizonte, Recife, Montevidéu, Porto Alegre...

Ano passado viajei pela American Airlines para Cancún e observei que pertencia à aliança denominada "OneWorld", a mesma da TAM, logo, pedi para pontuar na segunda companhia aérea (10.000 pontos). Sei que muitas pessoas ignoram essa possibilidade e os pontos ficam num programa que não será utilizado e as milhas vão expirar. Provavelmente meus pontos que estão no "Victoria", da Tap, vão expirar, pois não tenho pontos suficientes para emitir passagem fora de Portugal (dá uma ida e volta para Ilha da Madeira, por exemplo).

Outra experiência que posso contar é em relação a United Airlines, que tem um acordo com a Azul. Ganhei 6 mil pontos por voar para NYC. Achei pouco (provavelmente não conseguirei fazer nada com essa quantia), mas foi melhor que ficar na companhia norte-americana.

Considero que tive sorte ao emitir passagem de ida e volta para Santo Domingo por 35 mil pontos, pelo Smiles, durante a Copa do Mundo de 2014. Consegui 5 dias de folga em razão do evento. Dois dias antes de efetivamente viajar, decidi entrar no site para fazer algumas simulações. Voando direto para Punta Cana ficava impossível, mas para capital da República Dominicana era completamente viável! Não pensei duas vezes e emiti uma passagem para Santo Domingo!

Uma boa opção para utilizar as milhas no Smiles, na atualidade, é comprar trechos dentro da Europa. Comprei Veneza-Istambul por 12.500 milhas. As taxas totalizaram R$158,00.

É bom acompanhar o prazo de validade das milhas. Há um ano observei que 10 mil milhas que estavam no Multiplus expirariam. Olhei as lojas parceiras e consegui trocar por um ferro, um liquidificador, um edredom e uma manta! Tenho 4 mil milhas expirando no Smiles e, no máximo, vou consegui trocar por dois lanches no McDonald´s.

Não posso deixar de contar que há dois anos ganhei 4 mil pontos da parceria Multiplus/Tripadvisor. A cada avaliação que você faz no Tripadvisor, entrando pelo hotsite, você ganha milhas. Troquei por uma passagem para São Paulo, de onde sairia meu voo para Abu Dhabi.

Outra dica valiosa é esperar as promoções para transferência de milhas. Muitas oferecem bônus de até 50%. Transfere 10.000 e ganha 5.000.

0 comentários:

Translate

Instagram

Publicidade

Booking.com

Marcadores