Hong Kong, 1ª parte


Ano passado estive na capital do Vietnã, Hanói, e, na época, um amigo (virtual) morava em Hong Kong e sugeriu uma visita, já que ficava a apenas uma hora de avião. Acabei rejeitando o convite, uma vez que todos os voos estavam comprados, entretanto, a ideia plantada persistiu.

Um ano após, na elaboração do roteiro de viagem, lá estava a Ásia, que se tornou o meu continente preferido, e Hong Kong figurava entre os destinos que visitaria. 

Hong Kong Dólar
Share:

1 dia em Dubai


Marina Walk Dubai

Fiz um bate-volta para Dubai, partindo de Abu Dhabi. Tínhamos escolhido alguns passeios com a agência da Etihad (pague 1 leve 2), todavia, como já relatado em post anterior, após os diversos problemas de comunicação, olvidaram completamente dos passeios agendados.
Share:

Abu Dhabi, a capital dos Emirados Árabes Unidos


Em razão do atraso da Etihad Airways, em São Paulo, chegamos a Abu Dhabi por volta das 23h, embora a chegada estivesse prevista para 19h.

Assim que pisamos em solo árabe, Danilo me abraçou e fiz questão de lembrá-lo que, provavelmente, aquele tipo de demonstração de afeto não seria permitido. Rimos muito.

Antes de passar pelo controle de imigração, a pessoa deve caminhar para uma sala e pegar o carimbo no visto que recebeu por e-mail. O policial também faz um registro fotográfico. Depois, basta apresentar o passaporte e o visto. Sem perguntas.

É impressionante a opulência daquele país: logo na saída nos deparamos com um Porsche de ouro. E, para quem está pela primeira vez no Oriente Médio, a estranha sensação de ver os trajes típicos – principalmente mulheres de vestes pretas com os rostos cobertos (niqab) – embora predominantes na península arábica, também podem ser vistos em outros países muçulmanos.

Share:

Minha - péssima - experiência com a Etihad Airways


Depois de uma apurada pesquisa sobre a companhia aérea com o melhor custo-benefício para chegar a Hong Kong, acabei decidindo pela Etihad. Por 1 mil reais a menos era possível voar Ethiopian Airlines, no entanto, em razão do surto de ebola (ressalto que não atingiu a capital da Etiópia, Adis Abeba), preferi gastar um pouco mais e ficar mais tranquila. Mostrei o roteiro ao meu amigo Danilo, que prontamente topou. Decidimos fazer um stopover na capital dos Emirados, Abu Dhabi, já que obrigatoriamente faríamos uma conexão.
 
O cartão de embarque!

Share:

Região dos Lagos


Moro no Rio de Janeiro, no entanto, posso contar nos dedos as vezes que estive na Região dos Lagos. Não dirijo e o percurso acaba demorando mais que muitas viagens de avião. E ainda, nunca fui muito fã de praias.

Share:

Translate

Instagram

Publicidade

Booking.com

Marcadores