Filmes com temática gay que você deve assistir - parte 3

Por motivo desconhecido, os posts que indicam filmes com temática gay são, sem dúvida, os mais acessados do blog, consequentemente, deixo mais algumas dicas:

Um dia desses (2012)

Em síntese, o filme é encantador por revelar que a beleza de um ser humano vai além de convenções estabelecidas pela sociedade. Mostra a luta judicial de um transformista que decide adotar, junto com seu companheiro, um menino com síndrome de down. 

Share:

Tamara de Lempicka em "Open your heart"

"I live life in the margins of society, and the rules of normal 
society don’t apply to those who live on the fringe."
Tamara de Lempicka


Tamara de Lempicka (nascida Maria Górska) foi uma artista polonesa associada ao movimento Art decó. Morou na Rússia, todavia, transferiu-se para Paris após a Revolução Russa - onde participou das rodas de intelectuais. Era conhecida por sua bissexualidade declarada. Madonna prestou uma homenagem no clipe "Open your heart".




Share:

Filmes papais


Na esteira da Jornada Mundial da Juventude e visita do Papa Francisco, me recordei de 3 ótimos filmes que versam sobre o chefe máximo da Igreja Católica. Embora ateia, a temática não me causa indiferença, mas curiosidade (observo os aspectos nocivos da religião). No entanto, lembrem-se: já ajoelhei diante do baldaquino - esculpido por Bernini - na Basílica de São Pedro no Vaticano!

O banheiro do Papa (2007)
O filme uruguaio relata um acontecimento verídico: a visita do Papa João Paulo II em Melo, cidade próxima ao Brasil, e o impacto causado em um morador - que vislumbra obter lucro com a chegada do pontífice.
Share:

Alpheus and Arethusa

Mantenho-me afastada do que acontece no cenário musical e, não tão raramente, descubro que aprecio determinada música ou cantora (prefiro vozes femininas que cantam pop internacional) após muito tempo da deferência do público comum. Rihanna é o melhor exemplo: desconhecia até o lançamento do segundo álbum e hoje sou admiradora - reconheço minha completa insciência na área.


De outra forma, a parte gráfica tem o poder de me cooptar: não consigo ignorar a criatividade - ou falta dela - nos CDs. O novo disco do Jay Z, Magna Carta...Holy Grail, apresenta o detalhe de uma obra de arte na capa: Alpheus and Arethusa. A escultura original está exposta no Met:

Alpheus and Arethusa por Battista di Domenico Lorenzi (Italian, ca. 1527/28–1594)

Share:

Liberal Arts

"And binding with briars my joys and desires."
William Blake in Songs of Experience


Não tenho o hábito contumaz de transcrever os sentimentos causados pelos (diversos) filmes que aprecio. Poderia listar, pelo menos, uma dezena de filmes recentes melhores (tecnicamente ou artisticamente) que Liberal Arts, por outro lado, produziu uma catarse pela melancolia do desencontro entre os personagens principais.
Share:

Antes e depois: Andy Warhol

A grandeza de Andy Warhol pode ser explicada num parágrafo apertado: seus trabalhos foram responsáveis por um corte epistemológico entre arte moderna e arte contemporânea.

Bellevue II, 1963. Stedelijk Museum.

Share:

I Amsterdam


Embora o senso comum veja Amsterdã como destino para o consumo de drogas e mulheres, afirmo que é muito mais: em 2013 voltou a ser um paraíso para os amantes de arte. Isto porque, no final de 2012, o Stedelijk reabriu (em novo prédio), o Hermitage (filial do famoso museu situado em São Petersburgo) foi inaugurado, em 2013, e, depois de 10 anos de reforma, o Rijksmuseum reabriu e o Van Gogh Museum também.


 

Share:

Potsdam


Visitei a cidade de Potsdam (1 hora de Berlim) com um único intuito: conhecer Schloss Sanssouci (castelo de verão de Frederico, o Grande, Rei da Prússia) e estava fechado, apenas naquele dia, para colocação de pesticida. Não tinha como saber previamente.
 

Share:

Florença (bate-volta)

Firenze ou Florença é a capital da Toscana. Foi o berço do Renascimento italiano e tem algumas das obras mais lindas de todos os tempos. É preciso cuidado para não se entregar à Síndrome de Stendhal.




Share:

Keukenhof ou o maior jardim de flores do mundo


Entrada de Keukenhof

Keukenhof, como menciono no título, é o maior de jardim de flores do mundo e está localizado em Lisse (30 minutos de Amsterdã), cidade dos Países Baixos (Holanda é apenas uma região dos Países Baixos). O jardim só fica aberto na primavera, portanto, programe-se para visitá-lo entre o fim de março e o início de maio.

Share:

Translate

Instagram

Publicidade

Booking.com

Marcadores

Arquivo do blog